DÓLAR HOJE:
Euro Hoje
23 de maio de 2024
Search
Close this search box.

Hortênsias News

Prefeitura de São Chico realiza o processo de regularização fundiária na Vila Jardim

Compartilhe este artigo

Foto Noticia Principal Grande

Os moradores terão seus imóveis regularizados e registrados no cartório sem nenhum custo

A Prefeitura Municipal de São Francisco de Paula, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, realizou na última sexta-feira (8) reunião com os moradores da Vila Jardim para iniciar a terceira fase do processo de regularização fundiária (REURB). A maior parte das famílias que vivem naquela área não possuem escritura dos imóveis. Nessa etapa será realizada a elaboração dos projetos arquitetônicos dos 159 cadastros realizados na primeira fase do projeto, em julho de 2021.

Foto Noticia Principal Grande

Sem a regularização, os proprietários dos imóveis não possuem um documento formal de posse. Aderindo ao REURB, não haverá custo para os moradores que possuem renda familiar mensal total de até 3 (três) salários mínimos junto à Prefeitura e também no cartório para realizar a regularização. A ação é baseada na lei federal 13.465, de 11 de julho de 2017, que torna mais fácil esse tipo de medida. A lei é complementada pelo decreto 9.310, de 15 de março de 2018.

Além da regularização fundiária, também será implantado toda a infraestrutura necessária no bairro. O projeto será realizado junto com a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade.

Foto Noticia Principal Grande

REURB
A Regularização Fundiária Urbana (REURB) é o procedimento por meio do qual se garante o direito à moradia daqueles que residem em assentamentos informais localizados nas áreas urbanas. A REURB consiste no conjunto de medidas jurídicas, urbanísticas, ambientais e sociais destinadas à incorporação dos núcleos urbanos informais ao ordenamento territorial urbano e à titulação de seus ocupantes. A regularização fundiária, conforme o art. 13 da Lei Federal 13.465/2017, é classificada em regularização fundiária de interesse social (REURB-S) e interesse específico (REURB-E). A regularização fundiária, conforme o art. 47 da Lei Federal 11.977/2009, é classificada em regularização fundiária de interesse social e interesse específico.

A Prefeitura Municipal de São Francisco de Paula, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, realizou na última sexta-feira (8) reunião com os moradores da Vila Jardim para iniciar a terceira fase do processo de regularização fundiária (REURB).

A maior parte das famílias que vivem naquela área não possuem escritura dos imóveis. Nessa etapa será realizada a elaboração dos projetos arquitetônicos dos 159 cadastros realizados na primeira fase do projeto, em julho de 2021.

Sem a regularização, os proprietários dos imóveis não possuem um documento formal de posse. Aderindo ao REURB, não haverá custo para os moradores que possuem renda familiar mensal total de até 3 (três) salários mínimos junto à Prefeitura e também no cartório para realizar a regularização.

A ação é baseada na lei federal 13.465, de 11 de julho de 2017, que torna mais fácil esse tipo de medida. A lei é complementada pelo decreto 9.310, de 15 de março de 2018.

Além da regularização fundiária, também será implantado toda a infraestrutura necessária no bairro. O projeto será realizado junto com a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade.

REURB

A Regularização Fundiária Urbana (REURB) é o procedimento por meio do qual se garante o direito à moradia daqueles que residem em assentamentos informais localizados nas áreas urbanas. A REURB consiste no conjunto de medidas jurídicas, urbanísticas, ambientais e sociais destinadas à incorporação dos núcleos urbanos informais ao ordenamento territorial urbano e à titulação de seus ocupantes.

A regularização fundiária, conforme o art. 13 da Lei Federal 13.465/2017, é classificada em regularização fundiária de interesse social (REURB-S) e interesse específico (REURB-E). A regularização fundiária, conforme o art. 47 da Lei Federal 11.977/2009, é classificada em regularização fundiária de interesse social e interesse específico.

Fonte: Ascom PMSFP
Foto: Divulgação

Compartilhe este artigo

Deixe seu comentário

Para comentar na página você deve estar logado em seu perfil do Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral poderão ser denunciados, acarretando até mesmo na perda da conta. Leia os termos de uso e participe com responsabilidade.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com